Lanches saudáveis: porque devo comer de 3 em 3 horas?

relógio

Os lanches são refeições ligeiras que devem ser consumidos entre as refeições principais. Fracionar a alimentação implica fazer 5 a 7 pequenas refeições diárias, realizadas a cada 3 ou 4 horas, sendo este um dos conselhos mais repetido pelos nutricionistas. Os seus benefícios incluem:

  • Equilíbrio dos níveis de glucose no sangue (glicemia);
  • Redução do apetite, controlo da fome e da ingestão alimentar;
  • Redução da acumulação de reservas de gordura;
  • Manutenção de um bom nível de energia;
  • Facilitar a escolha de alimentos mais saudáveis;
  • Maior diversidade alimentar;
  • Aumento do metabolismo;
  • Estabilização do humor e redução da ansiedade e do stress;
  • Melhor concentração e produtividade física e mental;
  • Melhoria da sintomatologia associada a determinadas doenças crónicas.

Continue reading

Conheça a Canihua, a prima da Quinoa!

A Cañihua (do Quechua, kaniwa) é um pseudo-cereal originário dos alti-planos andinos do sul do Peru e da Bolívia, que pertence à mesma família da Quinoa (do Quechua, kinwa). É usada para alimentação dos povos desta região há mais de 4,000 anos e a sua riqueza nutricional faz com que seja bastante consumida durante os meses mais frios. Tem a particularidade de não provocar desperdício porque toda a planta é usada para a alimentação (humana e/ou animal), das raízes até às folhas. Continue reading

Sabe o que é o “bliss point”?

chipsApetece-me tanto umas batatas fritas…mas é melhor não. Se abrir o pacote como-as todas e depois vou ficar aborrecida…ok, abro o pacote mas vou comer só 10, nem mais uma! …eu já sabia, não tenho força de vontade nenhuma, eu já sabia que se abrisse o pacote, as batatas iam todas.

Acredito que, se pudessem, todas as pessoas fariam uma alimentação mais saudável. Apesar disso, parece que a força de vontade lhes falta quando olham para um pacote de batatas fritas ou um gelado. Muitas vezes, acompanhando o prazer de saborear o alimento desejado vem um sentimento de fraqueza e derrota. Mas, se queremos tanto fazer uma alimentação mais saudável, se sabemos, em parte, o que devemos ou não comer, porque é que é tão difícil? Será apenas falta de força de vontade? Seremos mais fracos do que os outros que conseguem resistir a esse tipo de apelo? Seremos mais gulosos? Continue reading