Massa com vegetais crocantes e pesto de amêndoa

massa com vegetais e pesto amêndoa nutriente secreto

As massas alimentícias são ricas em hidratos de carbono, fibras alimentares, vitaminas do complexo B e minerais como o potássio, fósforo e o magnésio. Os hidratos de carbono presentes nas massas (ex.: amido) fornecem energia às células que serve de motor para o funcionamento de todos os sistemas orgânicos. O consumo de massa, nas doses adequadas, contribui para a estabilidade do nível de açúcar no sangue (glicemia) o que diminui o apetite e favorece o bom humor e o bem estar ao longo do dia.

Atualmente, existem mais de 600 formatos diferentes de massas secas, o que permite ao consumidor escolher a que melhor se adapta ao seu gosto pessoal.  Sempre que possível, opte por consumir massas integrais: são nutricionalmente mais ricas, favorecem o trânsito intestinal, atuam na prevenção do cancro do cólon, aumentam a saciedade e ajudam a reduzir o LDL-colesterol.

Massa com vegetais crocantes e pesto de amêndoa

Ingredientes (4 a 6 pax):

  • 350 g de massa integral (tipo macarrão)
  • 1 curgete laminada
  • 150 g de ervilhas congeladas
  • 200 g de brócolos partidos em pequenos ramos
  • 150 g de amêndoas (torradas/sem pele)
  • azeite q.b.
  • 2 dentes de alho
  • 1 ramo grande de manjericão fresco

Preparação: Coza a massa de acordo com as instruções do fabricante. Antes de escorrer a massa, retire 150 ml da água da cozedura e reserve. Depois de escorrer a massa, passe-a por água fria e reserve. Numa frigideira ou wok, coloque 2 colheres de sopa de azeite e deixe aquecer bem. Salteie os vegetais  previamente lavados e cortados (brócolos, ervilhas e curgete) durante 10 minutos, mexendo sempre para não queimarem. Tempere com sal marinho, retire do lume e acrescente a massa previamente cozida aos vegetais salteados.

Pesto de Amêndoas: com a ajuda de um robot de cozinha ou varinha mágica, junte as amêndoas, os alhos, as folhas de manjericão e uma colher de café de sal marinho. Triture durante 2 minutos. Adicione o 100 ml de azeite e volte a triturar mais 2 minutos. Acrescente a água da cozedura da massa e mexa bem. Sirva a massa com o pesto.

Por: Sofia A. Rodrigues, nutricionista

 

Dieta vegetariana, sim ou não?

7 motivos para mudar já! 

fritata-vegetaisUm padrão alimentar saudável é aquele que promove a saúde global: previne doenças e potencia o bem estar geral nos níveis físico, psíquico e intelectual em crianças, adolescentes e adultos. Neste sentido, tem de ser completo, variado e equilibrado. A alimentação, vegetariana ou não, deve ser ajustada individualmente porque, como é sabido, as necessidades energéticas diferem e dependem de fatores como a estação do ano, a região do planeta/país, a idade, o metabolismo, a individualidade bioquímica, o sexo, o peso, a altura, a condição física, a atividade diária, o estado de saúde/doença, etc…

De acordo com a Organização Mundial de Saúde e outras instituições de caracter científico responsáveis pelas grandes linhas de orientação no campo da nutrição coletiva, a distribuição dos macronutrientes, relativamente às necessidades energéticas totais/diárias, deve ser feita do seguinte modo: a) hidratos de carbono: 50 a 70%; b) proteína: 12 a 20%; e c) lípidos: 25 a 35%. Continue reading

Homem: alimentação, estilo de vida e saúde

Atualmente, há já muitos homens que se preocupam em ter uma alimentação equilibrada e saudável porque sabem que a alimentação é essencial para a manutenção de uma boa qualidade de vida. São cada vez mais aqueles que procuram os conselhos dos especialistas da área, sendo, por norma, mais focados nos resultados e cumpridores da prescrição dietética do que as mulheres. Os dietistas são especialistas em atender públicos muito específicos e é cada vez mais usual ver homens nos consultórios de nutrição e dietética, o que é sempre um motivo de alegria. Homens e mulheres precisam dietas diferentes tal como demonstrou Rob Brooks, Professor Associado e Director do Centro de Investigação e Ecologia da Universidade de New South no seu trabalho de investigação Sex, Genes & Rock agora publicado no blogue com o mesmo nome. Continue reading

Mulher: nutrição e fases da vida

A alimentação é um dos fatores ambientais que maior impacto provoca no estado de saúde da mulher. De acordo com a fase do ciclo de vida, o organismo feminino tem necessidades diferentes e é fundamental aprender a fazer as escolhas alimentares mais corretas. Uma boa nutrição contribui significativamente para a redução do risco de diversas doenças  como excesso de peso/obesidade, anemia, cancro da mama, hipertensão, diabetes, osteoporose, entre outras. Continue reading