Comer na hora certa!

FullSizeRender-3Tenho sempre imenso apetite mas muitas vezes não sei se é fome ou vontade de comer” – quem não se revê neste pensamento? Ou quem já não sentiu o mesmo?

Aprender a comer no tempo certo é meio caminho andado para uma gestão eficaz do peso e da saúde. Saber ler os sinais da fome nas entrelinhas do metabolismo e das emoções ajuda a perceber quando devemos comer e quando devemos parar de o fazer. Quantas vezes comemos porque nos sentimos tristes, irritados ou ansiosos? Usar a comida como forma de compensação é um tipo de comportamento que provoca, na grande maioria das situações, o aumento do peso corporal a par do sentimento de culpa e de frustração. Continue reading

Fome física ou emocional

O ser humano é complexo e a sua saúde global depende do alimento físico, emocional e psicológico. Quando um destes alimentos falha, procura formas para compensar essa lacuna e a comida constitui um dos seus meios preferidos. No fundo, a (des)compensação pela comida serve como um alerta ou um aviso que sinaliza que algo está mal.
fonte: fitmommydiaries.blogspot.com“Os alimentos que escolhemos não são, assim, uma simples fonte de energia, pois têm a capacidade de mascarar conflitos psicológicos que não conseguimos expressar” (Isabel Menéndez, Psicóloga e Psicanalista, especialista na área da Alimentação Emocional).

Continue reading

Comida: dor ou prazer?

“Os alimentos que escolhemos não são, assim, uma simples fonte de energia, pois têm a capacidade de mascarar conflitos psicológicos que não conseguimos expressar” (Isabel Menéndez, Psicóloga e Psicanalista, especialista na área da Alimentação Emocional)

Na próxima semana, será publicado  primeira parte de um artigo da autoria da Joana (nome verdadeiro) que teve a coragem de aceitar o desafio de partilhar aqui no blogue, um relato íntimo, escrito na primeira pessoa, que conta a história da sua constante batalha com a comida.

Por: Sofia A. Rodrigues, nutricionista

A alimentação é o mais importante investimento em saúde!